Montanhas do Paraná e do Brasil

Montanhas do Paraná e do Brasil

Compartilhe

domingo, 11 de janeiro de 2015

A Beleza do Parque Estadual Rio do Turvo





Eu e minha esposa estávamos voltando de Praia Grande – SP onde passamos nossa virada de ano na casa de amigos. E para começar 2015, na volta, resolvemos passar e conhecer uma cachoeira que está localizada em Cajati divisa com Barra do Turvo a uns 250 km de Curitiba. Logo avistamos uma placa indicando “Cachoeira da Capelinha”.  Entramos numa estrada de chão até bem cuidada, parei de início numa casa para pedir informações e um garoto me informou que a cachoeira ficava a uns 3 km pra frente. Imaginamos ser apenas uma cachoeira no meio do mato, aonde turistas ou banhistas vão fazem aquela algazarra, sujam o local e tem aquele som alto para incomodar os outros, mas logo vimos que estávamos enganados. De cara avistamos uma portaria  e um segurança fez nosso cadastro e nos deu algumas orientações, chegamos na sede do parque e encontramos uma recepção que nos passou mais informações para curtir o local.



     

O parque tem uma ótima estrutura, não é permitido acampar, mas é possível pegar um quiosque disponível que fica mais a dentro do parque longe da cachoeira. Colocamos roupas de banho e não pensamos duas vezes, fomos conhecer a Cachoeira da Capelinha, logo vimos a sua magnitude e beleza, uma cachoeira com mais de 30 metros de altura. Existe um mirante que aproxima você da cachoeira. Ali ainda não é permitido banho, pois é um local bastante perigoso. Depois de algumas fotos, descemos por uma pequena e bem estruturada trilha, com corrimão e degraus que nos leva até o próximo mirante aonde é possível avistar ela de frete. Mas um pouco abaixo está, para nossa alegria, uma piscina natural, na qual desce uma pequena cachoeira que é a continuação da outra maior. Tomamos aquele banho gostoso e sem pressa para chegar em casa.


Descobrimos que muitos viajantes acabam descobrindo essa cachoeira pelas placas e se aventuram na estrada de chão sem saber a sua distância. Tinha um casal de SC que também avistaram a placa e acabaram se aventurando e encontrando esse lugar lindo escondido entre a BR 116. Saímos bem felizes por conhecer esse belo lugar. Paramos para tomar um bom caldo de cana e compramos uma água que estava congelada, isso foi muito bom pois assim demorou mais para esquentar. E logo seguimos nossa viajem, paramos para comer aquele pastel próximo ao portal de Morretes e seguir viajem.








O Parque Estadual do Rio do Turvo me encantou com sua beleza inesperada, um lugar lindo, limpo sem agressão a natureza. Com uma bela estrutura, lugar para banho e até fazer aquele churrasquinho, mas acredito que tenha que chegar bem cedo lá. O resto pode ir de boa que é tranquilo. Caso um dia voltando de São Paulo você tenha interesse em conhecer é só seguir as placas que não tem erro. Começamos muito bem nosso ano de 2015 e quero que esse ano seja bem melhor que o ano que passou, pois foi um ano muito difícil para mim e para minha esposa. Um ano cheio de montanhas e lugares novos para conhecer: 2015 vai ser um ano muito bom!




Nenhum comentário: