Montanhas do Paraná e do Brasil

Montanhas do Paraná e do Brasil

Compartilhe

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Bons livros de montanhas e suas conquistas.

Segue alguns bons livros de grandes conquistas e Histórias, na qual eu indico para uma boa leitura. São histórias fantásticas, contadas pelos próprios autores, como o paranaense Waldemar Nickevicz, que conta em seus livros as fantásticas conquistas da montanha mais alta do Mundo.
E Airton Ortiz um grande aventureiro amante das montanhas e do mundo. Vale a pena ler todos



Annapurna - Maurice Herzog

No dia 3 de junho de 1950 o francês Maurice Herzog e seu companheiro de equipe Louis Lachenal alcançaram o topo do monte Annapurna, no Himalaia, tornando-se os primeiros a conquistar uma das catorze montanhas de mais de 8 mil metros do mundo. O feito se concretizou depois de meses de esforço para estabelecer a rota de ataque, numa região ainda não mapeada, sob imensas dificuldades técnicas e no limite de tempo estabelecido pela chegada da monção, prevista para os primeiros dias de junho - seria preciso abandonar a montanha antes que ela chegasse, com seus ventos fortíssimos e suas chuvas diluvianas. Lançado em 1951, este clássico da aventura relata uma das expedições mais dramáticas já vividas na montanha. Desde a travessia do sul do Nepal e da conquista do cume até a volta penosa e a euforia da recepção.



Aventura no topo da Africa-Airton Ortiz

Uma emocionante narrativa da jornada do jornalista gaúcho Airton Ortiz rumo ao ponto mais alto do Continente Negro. Junto com o autor, o leitor vai seguindo seus passos desde a chegada em Joanesburgo até a pisada firme na boca da cratera no cume do Kilimanjaro, numa mistura de acontecimentos, aprendizagens e as aventuras de uma viagem repleta de informações históricas e anedotas.






A escalada do Monte Improvavel- Richard Dawkins

Ocupante da primeira cátedra acadêmica voltada para a divulgação em uma universidade de primeiro escalão, o biólogo Richard Dawkins oferece neste livro uma fascinante viagem em direção ao cume do 'monte Improvável', imagem que usa para representar o caminho evolutivo das espécies vegetais e animais. Ele mostra que, ao contrário do que supõe muitos críticos da evolução, o monte Improvável não se escala por uma parede proibitivamente íngrime, mas é atingido pelo outro lado, onde há uma longa e suave encosta por onde se alcança o topo com segurança.




Everest, O diário de uma Vitória - Waldemar Niclevicz

O maior alpinista brasileiro, Waldemar Niclevicz, compartilha com os leitores sua principal aventura - a conquista do Everest. No livro ele mostra os detalhes técnicos da expedição e quais sentimentos o dominaram durante esta difícil jornada em busca de um sonho.







Na estrada do Everest - Airton Ortiz

Depois de escalar o Kilimanjaro, ponto mais alto da África, o aventureiro e escritor Airton Ortiz decidiu enfrentar mais um desafio- descobrir as maravilhas do Himalaia, a mais alta cadeia de montanhas do mundo. Partiu de Katmandu, no Nepal, em uma jornada de muito suspense e ação pelas trilhas que conduzem ao pé do Everest. Combinando as emoções de sua viagem à história da exploração da mais alta montanha da Terra, Airton escreveu um livro inesquecível.




Fantasma do Everest - Jochen Hemmleb, Larry A. Johnson, Eric R. Simons

Mallory e Irvine teriam sido os primeiros a conquistar o cume do Everest? Como teriam morrido - tragados pelo abismo ou cedendo à exaustão? E sobretudo, teriam chegado ao cume à força de sua fibra e a despeito do parco equipamento, antecipando em quase três décadas o feito de Hillary e Tenzing? Seis décadas mais tarde, em 1999, uma expedição de pesquisa dirige-se ao Everest para responder a essas questões. Unindo a experiência de montanhistas ao talento detetivesco e mesmo arqueológico, os membros da expedição vasculham a montanha gelada, testando hipóteses, desfazendo controvérsias, encontrando-se com a face mortal do mito.


No Ar rarefeito – Jon Krakauer

Um relato sobre a temporada mais trágica da história do Everest. Contratado pela revista 'Outside' para fazer uma reportagem a respeito da crescente comercialização da montanha, Krakauer, alpinista experiente, foi ao Himalaia como cliente de Rob Hall, o guia de alta montanha mais respeitado do mundo. Em 1996, subindo a montanha ao lado do grupo de Hall havia uma outra expedição guiada por Scott Fischer. Mas nem um nem outro sobreviveram à tempestade traiçoeira do dia 10 de maio. Krakauer conta a história e faz uma reflexão sobre o encanto avassalador que o Everest exerce sobre as pessoas, levando-as a arriscar a vida.



Sobre homens e montanhas – Jon Krakauer

Você sabia que é possível escalar cachoeiras? Sabia que o monte McKinley, no Alasca, o maior dos Estados Unidos, possui um dos ambientes mais inóspitos do planeta e que mesmo assim cerca de trezentas pessoas o escalam a cada ano? Você sabe qual é a segunda maior montanha do mundo? E sabe que ela é bem mais difícil de ser escalada do que o Everest? Por que tantas pessoas arriscam a vida nas paredes de gelo e rocha? Nesta coletânea de artigos e reportagens sobre aventuras vividas ao redor do mundo, do Himalaia ao Alasca, Jon Krakauer - autor de 'No ar rarefeito' e 'Na natureza selvagem' - mostra homens e mulheres que enfrentam paredes de gelo e rocha por todo o planeta, o que fazem, como sobrevivem e o que os motiva.

Tudo pelo Everest – Waldemar Niclevicz

Eis o relato emocionante e vívido do primeiro brasileiro a tentar vencer o desafio de escalar, sem o auxílio de oxigênio artificial, a maior montanha do mundo: o Everest.Mais do que um diário de viagem, você conhecerá em detalhes os preparativos minuciosos da participação nessa expedição, se encantará com os relatos da geografia física e humana do Himalaia e ficará deslumbrado com as paisagens da região.





Nenhum comentário: